Bardega - Parte 2

Retornamos ao Bardega (já comentado aqui) para conhecer um pouco da gastronomia.
Durante a semana o ambiente estava bem movimentado com algumas mesas para sentar.
Daniel Martins é o chef do Bardega. Os pratos (quentes e frios) são pequenos, feitos mais para harmonizar com os vinhos da casa. Portanto, não vá querendo jantar (este não é o local ideal) e sim para petiscar pratos degustando diferentes vinhos.

Não sabiamos deste fato, por isso achei válido explicar para não criar uma expectativa errada e se decepcionar. Os preços, por serem pratos "degustação / harmonização" são um pouco altos (média de R$40) vs o tamanho oferecido. Considero que são acompanhamentos e não pratos.
Provamos uma massa com molho pesto (molho deixou a desejar), um tartare (mini) e que criou uma expectativa muito mais alta vs a descrição do cardápio (não agradou) e espetinhos de frango com curry (estavam bons... mas caros).
O garçom pediu nossa opinião sobre os pratos e fomos sinceros. Para nossa surpresa,  trouxe como cortesia do chef uma "Espuma Surpresa", para que saissemos com uma boa impressão da cozinha. A sobremesa sim era autêntica, leve e saborosa, mistura de texturas na medida certa. Desta sim, gostei.

Onde: Bardega
Endereço: Rua Dr. Alceu de Campos Rodrigues, 218 - Itaim Bibi
fotos chicasSP

by chica K

Nenhum comentário:

Postar um comentário